“Ah sim, a autopublicação é também inerentemente a grande ação anticapitalista…”

Heather Benjamin por Heather Benjamin

 

Entrevista com Heather Benjamin, autora de Exorcise Book:

 

1 – Qual a história por trás de Exorcise Book?

Exorcise Book nasceu basicamente de uma ideia que eu tive de fazer um livro que fosse apenas uma coleção de ilustrações, sem uma narrativa linear explícita, mas uma história solta formada a partir da repetição de imagens diferentes e símbolos.

(mais…)

“A revista Animal foi formadora do meu caráter, eu tinha 12 anos, e ela determinou o rumo da minha vida.”

O Divino quando criança?

 

Entrevista com Adriano Motta, autor de Mickey Speed #_01:

 

1 – Qual a história por trás de Mickey Speed?

Vinha fazendo uma série de trabalhos chamados “Storyboards” desde 2004,para filmes que não existiriam. Eram uma associação livre de desenhos que sugeriam cenas cinematográficas. A estrutura desses desenhos quase que forçava quem se propusesse a lê-los a abdicar de uma ordem linear, tornando o processo de leitura totalmente randômico. Uma narrativa abstrata, algo que permeia todas as frentes do meu trabalho. Mickey Speed veio de uma vontade natural de produzir um dos meus Storyboards em forma de livro.

(mais…)

“O ato de publicar vai contra a hegemonia do peido cheiroso.”

Rodrigo Martins por Rodrigo Martins

 

Entrevista com Rodrigo Martins, autor de Quadratura I Quadratura II:

 

1 – Qual a história por trás de Quadratura I e II?

São imagens que buscam de diferentes formas se relacionar com uma espécie de rigidez comumente presente na estrutura rítmica da música popular (não o gênero, mas a música que possui características que dialogam com nossa intuição; dança).

Algumas imagens são mais ilustrativas, se relacionam com a ideia por uma questão formal. Já outras são consequências de ações que possuem a métrica como elemento fundamental. É uma tentativa de dar uma resposta pra algo que não fui capaz de entender por inteiro.

(mais…)

“Eu posso brincar com as cores e as composições para tentar chegar mais perto de uma ideia sem totalmente entender aonde estou tentando chegar.”

Jesse Moynihan por Jesse Moynihan

 

Entrevista com Jesse Moynihan, autor de Forming:

1 – Qual a história por trás do Forming?

Forming é a minha história original de consciência ativa sobre o ego, a vida material e o potencial de todas as coisas vivas de se elevarem ou afundarem num lixão coletivo. Eu não tenho total certeza do que é a história, na verdade. Não, até eu terminar. Então talvez eu saiba.

(mais…)

“Na verdade não pensei muito na construção de narrativas, são impressões de viagem, uma sucessão de momentos presentes que ao final se organizam como narrativa.”

Kammal João

 

Entrevista com Kammal João, autor de O Tempo sem Tempo:

1 – Qual a história por trás de O Tempo sem Tempo?

Bom, O Tempo sem Tempo nasce de um desejo de juntar uma investigação, que já vinha realizando em cadernos de desenho e anotações há alguns anos, com o projeto final da faculdade. A decisão de serem cartas endereçadas ao meu irmão mais novo surge um pouco depois quando na mesma época estava lendo o Cartas a Théo, do Van Gogh.

(mais…)

“Eu gosto de publicar porque é uma forma de arte portátil. E barata. Você pode não conseguir comprar um quadro de $ 2.000, mas pode comprar um livro de $ 20.”

Marc Bell

 

Entrevista com Marc Bell, autor de Shrimpy e Paul:

 

1 – Qual a história por trás de Shrimpy e Paul?

Eu queria fazer um dueto de comédia clássica. Acho que fui influenciado por comédias antigas, como a animação Fleischer Brothers, e quadrinhos novos como Frank de Jim Woodring.

(mais…)

“Acho que a possibilidade de ‘escrever’ sem precisar de um texto é o que mais me atrai. Por mais que não haja um texto ali, as pessoas falam que ‘leram meu livro’, não apenas que ‘o viram’.”

Virgílio por Virgílio

 

Entrevista com Virgílio Neto, autor de Talvez o mundo não seja pequeno:

 

1 – Qual a história por trás de Talvez o mundo não seja pequeno?

A história de alguém que é curioso e encantado por algumas coisas do mundo e que usa o desenho pra compartilhar esse encanto com outras pessoas.

(mais…)

“Eu não tenho muito tempo livre, mas às vezes vou até a farmácia e fico debaixo das luzes fluorescentes como se fosse um alien.”

Matt Thurber

 

Entrevista com Matthew Thurber, autorde 0-800-RATOS:

 

1 – Qual a história por trás de 0-800-RATOS?

Eu morei anos em Sunset Park, no Brooklyn, que no livro foi transformado em Volcano Park. É uma área com alta densidade populacional e circundada por uma grande colina com um parque e um bocado de árvores no topo. Eu estava pensando no ecossistema da vida urbana e o quão frágil é a sua estrutura inteira. E em como pode haver uma pulsão de morte do meio ambiente que está nos levando à ruína. O filme “Serpico” foi altamente influenciador para este livro. Achei a história de Frank Serpico tão profunda, no sentido de que, ao se tornar um policial infiltrado, ele começa a questionar a sua própria identidade e o significado e o propósito da aplicação de leis.

(mais…)

“O editor possui muita responsabilidade ̶ publicar o livro é apenas o início de um contrato entre o autor e a editora.”

Rui Tenreiro

Entrevista com Rui Tenreiro, autor de A Celebração:

 

1 – Qual a história por trás de “A Celebração?”

A Celebração conta a história de dois protagonistas quase idênticos que encontram uma estranha criatura na floresta, o que vai aparentemente mudar o caminho de sua jornada. Um tempo depois, um pássaro-demônio possui o corpo de um dos viajantes. Usando-o como um hospedeiro, ele vai deliberadamente fazer com que eles sigam o caminho que ele desejar, fazendo com que se percam em uma vila onde a celebração está acontecendo, e onde o pássaro-demônio irá se revelar e gerar um grande ovo ̶ o objeto de seu desejo e o centro da celebração da vila. É uma história cujos elementos estão integrados de uma forma ou outra, ou desempenham alguma função.

(mais…)